Caos na saúde de Galinhos foge do controle e passa a “vistas grossas” do Prefeito

Recentemente a gestão do Prefeito Francinaldo “Hudson” da Silva tentou “ludibriar” a população de Galinhos com a aquisição de uma ambulância, como se fosse algo de outro planeta para um município que recebe rios de dinheiro. Tudo pra maquiar como se a saúde estivesse mil maravilhas. ENGANO!

Os danos aos cofres públicos na gestão do Prefeito Festeiro é incomensurável.

Chamamos a atenção do Ministério Público e sei que essa matéria chegará a centenas de compartilhamentos.

O caos  se dar a falta de fiscalização nos horários dos profissionais da saúde.

Levantamento aponta que médicos, dentistas, enfermeiros e técnicos não cumprem escala nem obedecem integralmente os horários pelo qual são remunerados.

O que vale são as manobras políticas. Recentemente um paciente teve um  sério problema pois na hora mais importante de sua vida, de Dar a Luz, o médico que deveria está de plantão já havia ido embora como ocorre de forma corriqueira. Cadê a AMBULÂNCHA? Não serviu de nada na hora do apoio! Uma pesquisa feita no nome de alguns cargos de alto escalão da saúde de Galinhos e até outros ilustres desconhecidos, RECEBEM o Pagamento sem tirar plantões em horários como deveriam. Isso é FRAUDAR os cofres públicos. Você Sabia? Existe Dentista que foi filmada trabalhando tranquilamente no seu consultório em Natal, quando na verdade era pra está no plantão em Galinhos, nenhum Galinhense nunca, eu disse NUNCA fez uma consulta com a tal profissional no município? Mais todos os meses a verba está na conta. Uma técnica de enfermagem aparece no plantão do hospital Walfredo Gurgel e na escala do Hospital Promater em Natal, mais os plantões que deveria cumprir em Galinhos nem aparece, afinal, pela carga horária dos outros compromissos é IMPOSSÍVEL a jornada em três empregos. Mais a Técnica todo mês tem a verba na conta graças a mamada da Vaca Gorda chamada PREFEITURA MUNICIPAL DE GALINHOS.

Na escala era pra Dr **** está de plantão, mais o dito cujo tem regalias na gestão do Prefeito festeiro, quando entramos em contato, o Dr estava na sua clínica em Macau, no horário que deveria está em Galinhos.

Os desmandos na Saúde do município ultrapassou todos os limites, a legislação define a carga horária com rigor. Mais os profissionais não cumprem.

Será preciso acontecer uma tragédia no município para a gestão cobrar uma carga horária que vem sendo paga com dinheiro público.

Cadê os senhores VEREADORES que deveriam cobrar do gestor e fiscalizar esses desmandos? Estão de boca fechada, calados pelo bom preço no qual foram comprados (Com rara exceção).

Cansados de serem vítimas dos desmando a população agora irar filmar a falta de compromisso e de cumprimento da jornada e iremos publicar nas mídias sociais e apresentar as filmagens ao Ministério Público. Os excelentes profissionais que realmente querem trabalhar com seriedade em Galinhos acabam tendo a imagem manchada por aqueles que deveriam fazer e não fazem.

E o pior, tudo a “vistas grossas” do Prefeito que usava o púlpito como palanque e hoje faz de conta que nem viu e nem sabe.

Quem acompanha o marketing da equipe contratada pelo gestor acha que tudo corre a mil maravilhas, na cidade a realidade é dita por uma boca só, A SAÚDE ESTÁ UM CAOS!

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.